Diferenças entre a vacina da gripe e a vacina COVID-19

A vacina da gripe e a vacina da COVID-19 são dois imunizantes diferentes e de extrema importância. 

A vacina da gripe confere proteção contra infecções respiratórias causadas pelo vírus Influenza, que acomete o aparelho respiratório, podendo evoluir para doenças mais perigosas, como a pneumonia. 

No Brasil, há duas vacinas capazes de conferir proteção contra a gripe: a trivalente, disponível nos serviços públicos e a tetravalente, disponível nos serviços privados. 

As vacinas COVID-19 são responsáveis por conferir proteção contra as infecções causadas pelo novo Coronavírus, doença que atinge diretamente o trato respiratório e pode evoluir para uma pneumonia grave, levando muitos pacientes a óbito. 

Principais diferenças entre a vacina da gripe e as vacinas contra o COVID-19

Ambas as vacinas possuem diferenças entre si. Entenda melhor:

Vírus

A vacina da gripe é capaz de fornecer proteção para infecções respiratórias causadas pelo vírus Influenza. Já a vacina COVID-19, protege contra as infecções causadas pelo SARS-CoV-2, conhecido como novo Coronavírus. 

Esquema de doses

O esquema de doses da vacina da gripe é de apenas uma dose todos os anos. Para conferir a proteção necessária, a maioria das vacinas COVID-19 necessitam de duas doses. 

Público-alvo da vacinação

A vacina da gripe é destinada para todas as pessoas com mais de seis meses de vida. Por enquanto, a vacina COVID-19 só é recomendada para maiores de 18 anos. 

Reações adversas

As reações adversas da vacina da gripe incluem dor, vermelhidão e endurecimento no local da injeção, febre, mal-estar e dor muscular.

As pessoas que já foram imunizadas com a vacina COVID-19 também relataram dor local, inchaço e vermelhidão.

Eficácia

A eficácia da vacina da gripe é de 50% a 70%, e é a melhor forma de prevenir a doença. 

As vacinas COVID-19, disponíveis no momento, possuem eficácia de 50% a 95% para sintomas leves e moderados e apresenta cerca de 100% de eficácia contra as formas graves da doença.

Janela de proteção

A vacina da gripe é capaz de conferir proteção por 6 meses, sendo necessária a reformulação anualmente. 

Ainda é cedo para determinar o tempo de proteção que as vacinas COVID-19 fornecem. 

banner vacina da gripe

A vacina contra o COVID-19 previne a gripe?

Não. A vacina COVID-19 é responsável apenas por prevenir as infecções causadas pelo Coronavírus e não possui relação com o vírus causador da gripe.

As recomendações do Ministério da Saúde são para que as pessoas se imunizem contra a gripe comum que, mesmo não tendo relação alguma com a proteção do Coronavírus, é uma excelente forma de proteger idosos, profissionais da saúde e pessoas com doenças crônicas a evitar infecções respiratórias causadas pelos vírus Influenza.

Atente-se a campanha da gripe 2021 e se imunize!

Por que é importante tomar ambas as vacinas?

Atualmente, não há evidências de que alguma outra vacina, além daquelas especificamente projetadas para o vírus SARS-Cov-2, são capazes de proteger contra COVID-19. Portanto, é extremamente necessário que todos se imunizem com ambas as vacinas para prevenir tanto a gripe quanto a COVID-19. 

É necessário um intervalo entre a vacina da gripe e a vacina contra o coronavírus?

Atualmente, a recomendação é que todos que irão tomar a vacina COVID-19 respeitem o intervalo de 14 dias antes e depois de cada dose para tomar qualquer outro tipo de imunizante. 

Caso esteja com suspeita de Coronavírus, realizar o teste COVID-19 é o único método seguro e eficaz para diagnosticar a doença.

Onde tomar a vacina da gripe?

A vacina da gripe está disponível nas Unidades Básicas de Saúde para grupos considerados prioritários de acordo com o Ministério da Saúde, como: 

  • Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade;

  • Gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto);

  • Adultos a partir de 55 anos;

  • Profissionais da saúde;

  • Professores e profissionais de escolas públicas e privadas;

  • População indígena;

  • Pessoas com doenças crônicas (como diabetes, doenças cardíacas e respiratórias, imunocomprometidos, entre outras);

  • Forças de segurança e salvamento; 

  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, bem como a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. 

É possível encontrar a vacina da gripe também nos serviços privados de vacinação.

Você sabia que no Delboni não é necessário agendar a vacina? Confira onde comprar e se imunizar com rapidez e eficiência. 

Até o momento, a vacina COVID-19 está disponível nos serviços públicos de imunização e apenas para grupos específicos. É importante atentar-se às datas de vacinação que estão sendo divulgadas pouco a pouco, para que todos possam se vacinar, priorizando os grupos de maior risco. 


 

Referências:

IFF Fio Cruz. Entenda a vacina da gripe. Disponível em: http://www.iff.fiocruz.br/index.php/8-noticias/332-vacinagripe#:~:text=A%20vacina%20da%20gripe%20imuniza%20somente%20contra%20os%20v%C3%ADrus%20que,vacinas%20trivalente%20e%20a%20quadrivalente.

SBIm. Vacina Gripe (Influenza). Disponível em: https://familia.sbim.org.br/vacinas/vacinas-disponiveis/vacina-gripe-influenza